Upcycling nada mais e do que dar um ciclo novo a uma peça descartada atribuindo a ela outro sentido. Mas, isso não significa necessariamente que essa peça já tenha sido usada alguma vez. Existem marcas que arrematam lotes de roupas encalhadas de outras fábricas, são peças que não passam pelo controle de qualidade ou por qualquer outra razão que não tenham sido vendidas, e as transformam em novos produtos. Augustina Comas é dona da marca Comas (1) que faz peças para o vestuário feminino a partir de camisas masculinas. Outro exemplo é a Isecta Shoes (2) que transforma guarda-chuvas em mochilas. O Upcycling prega também o aproveitamento maior de tecidos para que não hajam sobras, e por isso existem marcas que compram os “restos” têxteis de outras fabricas criando novos produtos. Um exemplo disso é a marca americana Zero Waste Daniel/ZWD (3) que pretende transformar em 2017, 3 toneladas de resíduos têxteis em 6.000 peças.

E você conhece alguma marca de Upcycling?

Até semana que vem.

Author

Write A Comment