Textão

Aqui jaz a velha Renata

Muitas vezes, ideologicamente, venho aqui e escrevo para vocês falando sobre moda, beleza, tendências, abordo também sustentabilidade e moda consciente. Gosto de pensar que a moda é para todos e que não importa o seu credo, cor, classe e peso, sim peso porque nós temos a tendência de pensar em moda e beleza para quem está magro. Aliás pensamos, e uso a conjugação que me inclui, que seremos felizes somente quando estivermos magros, ou altos, ou isso, ou aquilo e inventamos diversas razões para não ser feliz no aqui e no agora. Pois é, existem diversos fatores que nos separam do daquilo que almejamos e por isso aqui jaz uma velha Renata.

cabelo

Parece trágico não?

Mas a verdade que hoje fiz algo que eu queria muito:  cortar o cabelo o que parece extremamente artificial só que para mim não era. Queria cortar o cabelo, queria renovar porém, por um motivo outro achava que só ficaria bom se eu estivesse com aqueles quilinhos a menos. E então depois de meses no sofrimento decidi passar a tesoura, tive a felicidade de encontrar profissionais que me indicaram o melhor corte, que me ajudaram a passar por isso.

Mas o que eu quero com esse “textão”

Reflexão! Por que não podemos ser felizes no agora, veja bem leitor(a) não estou fazendo do corte de cabelo um momento de sabedoria universal, na verdade quero que você pense o que te afasta daquilo que te faz feliz? Por que não se jogar nas tendências que você tem vontade de usar? Por que não tentar um novo corte, uma roupa algo que te inspira e que você ache que talvez não seja legal nesse momento? Como eu sempre repito no blog para saber se uma roupa fica boa ou não em você basta experimentar.

Ah e antes que eu me esqueça, esse é o meu corte novo:

renatablog

prazer,

renataesteves (2)

 

 

2 comentários em “Aqui jaz a velha Renata

Comente Aqui!